Inconscientemente, a rainha Vitória da Inglaterra escreveu a história das noivas e foi assim que marcou algumas das tradições mais enraizadas de todos os tempos. Até o momento do seu casamento, as noivas podiam se casar vestindo uma roupa de qualquer cor exceto o preto e o vermelho, que simbolizavam o luto e a devassidão.

Mas quando, em 1850, a rainha decidiu se casar com um vestido branco estabeleceu sem querer uma nova tradição que perdura até os dias de hoje. Durante séculos, o branco tem sido a cor por excelência, simbolizando assim a virgindade e a pureza com a qual a noiva chega ao altar.

Mas sempre existem novos contrapontos e é assim que cada vez mais e mais mulheres escolhem deixar de lado o branco etéreo para apostar por outras tonalidades. Timidamente se adiciona a cor bege e o champanhe, embora esta temporada de moda imponha o rosa. Assim é como se atrevem a deixar para trás uma moda que tem bases sólidas para apostar em uma alternativa ideal para casamentos relaxados e íntimos.

Zac Posen aposta em vestidos de noiva de cor de rosa em seu último desfile primavera-verão 2014 e o mesmo fizeram Valentino, Oscar de la Renta ou a designer espanhola Maria Barros. Ao exército de designers se adicionam numerosos fabricantes de acessórios e complementos que encontram nesta tonalidade uma janela para criatividade e imaginação.

Cada vez mais noivas apostam pelos vestidos de noiva rosa doce, suaves, românticos e ingênuos. Você se animaria a usar um vestido rosa em seu casamento?