Existem várias tradições em tudo o que nos rodeia, mas o mundo dos casamentos, ainda nos oferece situações mais típicas, as quais se remonta faz muitos anos.

Hoje queremos falar sobre os doces, que se tornaram um elemento essencial nas celebrações de casamento em todo o mundo. É uma tradição que remonta há vários séculos, simboliza o reconhecimento de um novo casal e são oferecidos aos convidados como forma de agradecimento por compartilhar esta jornada com o novo casal. Obviamente, os doces variam em relação ao país e a cultura do casal.

Como manda a tradição, devem ser cinco os oferecidos em casamentos, cada um deles em representação aos cinco votos matrimoniais: saúde, felicidade, riqueza, longevidade e fertilidade. E a união do sabor amargo da amêndoa com a cobertura de açúcar simboliza a própria vida, o doce com o amargo.

Como último detalhe, não importa o número de doces, o que devemos levar em conta é que seja um número ímpar, em representação da unidade e da indivisibilidade do amor.

Logicamente, se você não quer oferecer doces, existem várias opções para presentear, pode ser outro comestível ou outros presentes. Isso será uma escolha própria do casal e do conhecimento que tenham dos convidados.
Como sempre, acima de tudo, ser feliz.