O smoking é uma peça clássica que muitos noivos decidem usar em seu casamento, assim pensamos que merecia que dedicássemos algumas linhas para apresentá-lo.

A indumentária do noivo no dia do casamento cada vez tem mais variações e tem evoluído muito nestes últimos anos, mas, apesar disso, muitos continuam entregando o seu coração e confiança a uma peça clássica e elegante como é o smoking e, geralmente, é um acerto. Estas são algumas coisas que você deve saber sobre isso. Começamos pelas partes que o compõem:

O Casaco. É geralmente preto ou cinza escuro, mas cada vez mais cinza claro e outras cores têm entrado em cena. Tem a cauda partida em dois e arredondada, lapelas longas e um botão na altura do umbigo que deve permanecer fechado enquanto você não se sentar para comer. Você não pode tirar o casaco em nenhum momento.

O colete. Pode ser reto ou pontiagudo e é onde muitos noivos colocam um toque de cor em seu look. A tradição costuma ditar preto para os homens maduros e cinza para os homens mais jovens, mas inovar é permitido se for feito com bom gosto.

A Calça. É geralmente cinza ou preta, lisa ou com listra diplomática. A combinação de colete liso e calça cinza listra diplomática é muito elegante.

A Gravata. Antigamente costumava ser cinza, mas como no caso do colete os noivos preferem um toque de cor em muitos casos.

A Camisa. Branca, bem engomada, com colarinho sem botões e punho duplo no qual se levam belas abotoaduras.

E alguns detalhes sobre o seu smoking:

O smoking é mais adequado para os casamentos de manhã do que à tarde, embora muitos noivos pulem esta pequena regra e não acontece absolutamente nada.

O protocolo diz que se o noivo usa um smoking, todos os homens deveriam usá-lo, mas se o noivo não usa, ninguém deve usá-lo.

O ideal é que se você é o noivo, acima de tudo, não o alugue e não o compre. Você deve fazê-los sob medida, muito melhor.

O smoking devido a sua cauda encurta a figura do noivo, por isso é necessário saber que sentará e estilizará mais os noivos altos do que os baixos.