Se depois do seu casamento você quer relaxar e escapar do ritmo frenético da vida, Alasca pode ser um destino perfeito para sua lua de mel. Incríveis paisagens e uma apreciada calma te esperam de braços abertos.

O Alasca é o estado número 49 dos Estados Unidos, embora esteja separado do resto do país pelo Canadá. Encontra-se localizado no noroeste do continente, suas costas são banhadas pelos Oceanos Ártico e Pacífico e está separado da Rússia pelo Estreito de Bering.

Dependendo da região que você visita o clima varia, podendo ser oceânico, ártico ou continental. De um modo geral, podemos dizer que o clima é rigoroso ao longo do ano, embora no verão as temperaturas sejam leves no litoral e ao sul da Cordilheira de Brooks.

Se você tiver escolhido Alasca como destino para sua lua de mel, aqui estão alguns lugares que você não pode deixar de visitar:

  • Parque Delani. Este parque é uma das jóias mais preciosas do Alasca. Encontra-se no interior, no Monte McKinley, que é a montanha mais alta dos Estados Unidos. Uma vez dentro do parque você pode tomar qualquer um dos ônibus que o percorrem e desfrutar de suas maravilhosas paisagens. Ou se preferir, pode percorrê-lo de bicicleta e solicitar uma autorização para acampar ali. É muito importante saber que neste parque não há estradas, por isso vai ser muito útil levar um GPS para te ajudar a se orientar.
  • Fairbanks é a maior cidade na região do interior do Alasca. Está localizada acima do Círculo Polar Ártico e como resultado seus dias têm uma duração muito peculiar, que pode durar cerca de 4 horas no dia mais curto, até 21 horas no dia mais longo. Definitivamente, um dos melhores locais para observar a aurora boreal. Se você for durante o inverno, não pode perder o Campeonato de Trenós puxados por cães e o concurso de esculturas de gelo. No verão, um dos melhores planos é subir a bordo do Riverboat Discovery. Trata-se de um barco a vapor de rodas, que te levará pelos rios Chena e Tanana, enquanto desfruta de uma espetacular vista. Tampouco deixe de visitar as fontes termais, entre 50 e 65 graus, que é possível encontrar no meio do gelo.
  • Anchorage é a capital do Alasca, e é também onde se concentra 70% da sua população. Trata-se de uma cidade fruto de imigração, e isso é algo que se reflete na beleza de suas ruas. Não se esqueça de visitar o Imaginarium, um moderno museu, o maior deste Estado, cujo objetivo é conectar o Alasca com o mundo através da arte, história e ciência. Você também pode visitar o zoológico, mas lembre-se que a poucos quilômetros é possível ver os mesmos animais em liberdade. Passear por suas ruas é outra atração da cidade, recomendamos que você vá pelo Earthquake Park. E a apenas uma hora de carro, você encontrará o Parque Estadual Chugach, uma das maiores áreas naturais do país. E é claro que você não pode ir para o Alasca sem ver um dos seus famosos glaciares, como o Portage Glacier, localizado ao sul da cidade.

Lembre-se acima do Círculo Polar Ártico, durante os meses de verão, o sol não se põe, e você pode apreciar o famoso sol da meia-noite. Por outro lado no inverno se vive sob as sombras, mas, em troca, você pode ver alguma aurora boreal.