A Alemanha é um grande destino de lua de mel, no caso do casal ser amante da história e da cultura. A antiga Prússia emerge em inúmeros monumentos e lugares históricos que refletem a influência deste país na história da Europa.

Mais próximo no tempo, cidades como Berlim são um museu ao ar livre onde é possível acompanhar o período mais negro da Alemanha, o regime nazista. Ao mesmo tempo, esta capital é muito eclética e permite conhecer a vanguarda e a arte através de suas galerias de arte contemporânea, seus museus e sua boemia.

Berlim é uma das cidades mais cosmopolitas do mundo e ali hoje convivem edifícios de arquitetura moderna que contrastam com esse outro lado da cidade, que foi perdido no tempo após a construção do famoso Muro de Berlim. Enquanto hoje apenas restam vestígios da muralha, através do estilo das construções é possível distinguir as duas cidades que coexistiam em uma.

Desde a Ilha dos Museus até uma visita ao Portão de Brandemburgo, um dos cartões postais mais famosos de Berlim, trata-se apenas de abrir o mapa e começar a caminhar. A cidade convida a um passeio muito interessante, que também inclui a Catedral de Berlim, o Parque Tiergarten – o pulmão verde mais importante da cidade – ou a Praça Alexanderplatz.

Para conhecer a trágica história da comunidade judaica na Alemanha nada melhor do que uma visita ao Museu Judaico de Berlim, que percorre os últimos 2.000 anos da história dos judeus no país.

Berlim é uma cidade para descobrir e é ideal para aqueles que não querem deixar de fora a cultura em nenhuma de suas viagens. Mesmo que seja a lua de mel.