A iluminação em um casamento é, por vezes, um fator que fica esquecido, mas tem a sua importância e deve ser respeitada para que tudo pareça perfeito. Por isso não perca essas dicas.

Parece que a iluminação é algo que está ai apenas para nos servir, para ver melhor as coisas. E nada mais longe; a iluminação cria ambientes e produz sensações e se soubermos jogar com ela podemos conseguir grandes resultados.

  • Para casamentos no interior ou à noite, a iluminação é sempre necessária em algum momento. O tipo de luz que usamos ajudará a criar um ambiente festivo, acolhedor, elegante e chique, que completará a decoração e ajudará a definir o tema do casamento.
  • Por outro lado, devemos levar em conta quais elementos do ambiente ou da decoração queremos destacar sobre o resto e fazê-lo com cuidado e sem que chamem atenção excessiva.
  • Em casamentos ao ar livre, você vai encontrar diferentes possibilidades de iluminação, tanto cortinas como ao nível do piso e inclusive mobiliário iluminado. Utilize luzes em tons amarelos para criar um ambiente mais caloroso e acolhedor.
  • É muito importante iluminar os caminhos que conduzem os seus convidados de um lugar para outro do seu casamento com velas ou tochas, especialmente o que conduz do banquete aos serviços ou para a saída.
  • E não se esqueça que as luzes nem sempre devem ser brancas. Atreva-se com as cores e crie a magia para qualquer cenário vivo, para que os seus convidados se sintam dentro do mundo que você criou.